22 de mai de 2014

Os benefícios da Dança



Por Barbara Craddock

1. Sempre Jovem

Dança é altamente benéfico em manter-nos jovens. Atrasa imensamente o processod e envelhecimento. Beneficia o nosso coração, o sistema cardio-vascular e aumenta a cabacidade pulmonar. Facto: A estimulação muscular e níveis respiratórios dos bailarinos a dançarem numa competição de dança são equivalentes aos dos ciclistas, nadadores e corredores de 800 metros de nível olímpico.

2. Ossos fortes, articulações lubrificadas

Dança auxilia na prevenção e tratamente da osteoporose, que é uma procupação principal para a mulher, especialmente na pós-menopausa devido à descida significante dos níveis de estrogénio que ocorre por esta fase. Uma quebra dos níveis de estrogénio impedem a absorção do cálcio nos ossos. Dançar igualmente mantés as articulações lubrificadas e móveis, prevenindo a artrite.

3. Queima de Calorias

Dançar exercita os nossos corpos a aumentar a circulação sanguínea. ajuda a queimar calorias mais rapidamente, ao mesmo tempo que melhora os níveis de energia. Estima-se que a Dança gasta entre 5 a 10 calorias por minuto dependendo da velocidade e intensidade. Por exemplo, mambo e samba gastam mais calorias que uma valsa lenta.

4. Melhor Sangue

Novas descobertas descobriram que é necessário medir tanto os níveis de bom e mau colesterol para determinar o estado da nossa saúde. Dançar ajuda no controlo lipídico, que aumenta o HDL (bom colesterol) e diminui o LDL (mau colesterol). Danaçr é igualmente bom para diabéticos, porque ajuda a controlar os níveis de açúcar no sangue.

5. Domínio Mental

A dança melhora a nossa memória ao nos fazer relembrar passos, sequências e padrões de dança tornando-se assim num excelente exercício mental para o cérebro. O grande benefício é que ao aumentar o exercício mental, mentém-se a mente rápida, alerta e aberta.

6. Tem tudo a ver com equilíbrio

Equilibrar-se numa posição pode ser fácil, mas equilibrar-se nas numerosas e variadas posições envolvidas em Dança é muito mais difícil. Os bailarinos dominam a capacidade de se equilibrar em imensas posições. Ao manter o equilíbrio, o corpo fortalece os músculos estabilizadores, enquanto que protege o centro e prepara o corpo para que este esteja menos vulnerável a lesões no dia-a-dia. Dançar igualmente ajuda na coordenação e melhora os reflexos. É uma óptima maneira de manter o Sistema Nervoso Central e Periférico em forma excelente por melhorar a relação entre os nossos corpos e mentes.

7. Socialmente satisfatório

Dançar é recreacional e divertido. Cria uma vida social, permitindo a oportunidade de fazer novos amigos. Amigos ajudam-nos a crescer, fazem-nos rir e apoiam-nos enquanto aprendemos.

8. Culturalmente Diverso

Dançar não tem barreiras culturais. Pessoas de todo o mundo, com diferentes ideologias, se reencontram na pista de dança. A interacção cultural melhora a nossa qualidade de vida ao expandir a nossa mente e partilhar no nosso espírito.

9. Esmero Pessoal

Dançar não é somente divertido e romântico, mas promove o esmero pessoal, já que todos pretendem dar o melhor de si quando dança. Esmero e cuidado pessoal mantém-nos saudável por ser atingidos através de uma higiene elevada.

10. Um ser feliz

Dançar melhora o nosso humor por elevar os níveis de endorfinas no sangue. Isto permite-nos tratar o stress e depressão - dois dos maiores inimígos para o nosso sistema imunitário. Ajuda a estabelecer a nossa auto-confiança e auto-disciplina. Melhora a harmonia entre a nossa mente e corpo, trazendo uma sensação de bem estar.

Nenhum comentário: